Onde Nasce...

Onde nasce o amor?

Será que alguém me responde.

Por que falo  da dor?

Se tenho flores e fome.

Por que acredito e tenho fé

Naquilo que não se encontra.

Se a paz que procura se destói

Diante da minha esperança.

A esperança que aqui prego,

É um brinquedo, um faz de conta

É como a justiça cega...

Que enxerga mas faz de conta.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lixo: questão de cidadania e responsabilidade social

E porquê é natal....

Consumismo e Ostentação