Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2013
Imagem
Ao passar dos anos, formulo o desejo de me vê repentinamente com trinta anos, sem saber o que aconteceu nesse intervalo. Meu sentimento é de perplexidade, e pergunto a mim mesma: como decorreram todos esses anos? Ainda sou aquela menina assustada que entrou pela primeira vez na escola; ainda sou aquela professorinha ingênua que enfrentou a sua primeira turma; a advogada com cara de menina de tranças; aquela virgem sonhadora que entrou na igreja, vestida de branco, para um casamento que durou tão pouco! Ainda sou aquela mãe aflita com a primeira febre do filho que hoje tem mais de trinta anos. Passei batida pela tal crise dos trinta, pois estava ocupada demais lutando pela sobrevivência, pelo desejo de oferecer aos meus filhos a segurança tão almejada. Aos quarenta imaginei a grande festa, porém não se realizou. E o tempo passou me proporcionando a construção de uma nova vida, e novos anseios. Hoje me pergunto onde está à velhinha que eu esperava ser nesta idade, e onde se escondeu a jovem q…

Encarando aos desafios

Imagem
O comportamento humano é basicamente uma reação funcional externa e visível da sua organização estrutural (ou falta dela), isto é, nossas circunstâncias externas são projeções de nosso interior. Será que vale tudo no mundo do trabalho? Creio que se faz necessário estar consciente de que existem alguns princípios para o comportamento ético na vida profissional. E, a regra de ouro é se colocar no lugar do outro; mas, para tanto vale ressaltar o aperfeiçoamento, pois se trata de uma medida de suma importância, vez que é vital estabelecer a elaboração de planos de capacitação para o crescimento. A troca de experiências, as condições para que se possam exercitar possibilidades expressivas e criativas contribuem para o corpo e o espírito tornarem-se harmônicos: corpo são x mente sã. Também vale ressaltar a autoestima, o poder de aceitação e de como enfrentar aos conflitos internos e externos. Algumas sugestões a serem citadas são as vivências em atividades com dinâmica de grupo, as oficinas e …

Nossos Caminhos

Imagem
(esse texto é dedicado a Tadeu Grisi após um longo e maravilhoso¨papo")
Acredito que todos nós escolhemos livremente os nossos caminhos, seja pressionado pelas emoções, baseados em nossos sentimentos, ou envolvidos em nossas ilusões. O fato é que escolhemos ao preferir esta ou aquela oportunidade, ao fazer este ou aquele conceito, ao colocarmos em nossos próprios olhos as lentes com as quais preferimos enxergar à vida. Vivemos em busca de algo que nem sempre sabemos o quê ou o porquê. E, baseados nesta busca, passamos a vida fazendo escolhas desde cedo. São vários caminhos há escolher, mas somos responsáveis pelo qual seguiremos. Em qualquer um encontraremos dificuldades o que não indica a desistência, pelo contrario é necessário Precisamos tentar mesmo que p êxito não seja naquele instante alcançado; ainda assim teremos a honra de pronunciar: Eu posso ate não ter conseguido o que eu queria, mas nunca desisti. A vida e uma aventura para ser vivida, e somos os responsáveis pelo perig…

Crônica do Cotidiano

Imagem
Lucca, jovem executivo, muito alvo, olhos e cabelos castanho, estatura mediana, e acabara de chegar de uma grande metrópole onde os encantos e sonhos faziam parte do seu cotidiano. Ali, naquele lugar frio e sem graça, as tardes esmaeciam sem o alaranjado brilhante dos belos e fulgurantes entardecer. O metrô – seu principal meio de locomoção outrora – dera lugar ao velho trem, e assim procurava se adaptar àquela nova realidade. A moça de olhos azuis escuro, cabelos esvoaçantes, vestida como executiva, e andar meio que irreverente, provocou no rapaz olhar curioso, pois ali estava sempre no mesmo horário do seu embarque, e despreocupadíssima com os atrevimentos e suspiros que despertava naqueles que por ali circulavam. Era mais um dia chato e sem cor... Ele viu a garota, porém ela estava diferente. Ela parecia ter mais cor, esta mais viva, mais atenta aos burburinhos. Pensou: “De hoje não passa!”. Estava decidido a falar com a jovem, saber quem era de onde vinha, o que fazia, quando o vento …