segunda-feira, 20 de julho de 2015

A árvore dos desejos






A gente podia poder costurar o tempo
Bordando em cima dos erros
Para que eles sumissem.
Costurar as pessoas que gostamos pertinho
Costurar os domingos
Um mais perto do outro
Costurar o amor verdadeiro
No peito de quem a gente ama
Costurar a verdade na boca dos seres
Costurar a saudade no fundo do baú
Para ela não fugir
Costurar a auto estima lá em cima
Para nunca cair
Costurar o perdão na alma
E a bondade na mão
Costurar o bem no bem
E o mal sobre o mal
Costurar a saúde na enfermidade
E a felicidade em todo o lugar
...e ir costurando na vida
Um pouquinho de esperança em cada dia
E muita coragem em cada ser humano.

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Sonho Interminável




O que posso oferecer é mais que tudo
O que perdi: dou em meus ganhos.
A maturidade faz sorrir
Busca agradar, quando em outros tempos
Choraria,
Porém antigamente, queria ...
Tão somente ser amada.
Posso semear mais do que a beleza
Ou a juventude dos meus anos dourados
Me ensinaram a amar melhor, com mais paciência
E não menos a entender-te
Se precisas, de amante e colo de amiga,
Ou a força que vem do aprendizado
Mostrarei um mar antigo e confiável
Cujas marés — mesmo se fogem — retornam,
Cujas correntes ocultas, não levam destroços
Mas conduz ao sonho interminável das sereias.

Recebemos o que Plantamos: é a colheita.





Quando abrimos o coração para a vida, ela se abrirá para nós, visto que tudo o que acontece à nossa volta é reflexo. Por isso, se faz necessário examinar os nossos sentimentos, as nossas crenças, os nossos pensamentos e as nossas atitudes.
Devemos trabalhar com espírito crítico construtivo para que as mudanças necessárias sejam implementadas, visando um futuro de progresso e prosperidade. O novo surge para que possamos nos libertar dos antigos comportamentos, os quais em muitas vezes nos conduziram ao isolacionismo e à distância da felicidade: É a lei da ação e reação conduzindo a existência de todos, desde a pedra bruta até o homem mais capacitado intelectualmente. Tudo gira em torno dessa troca de energias e das suas consequências; Nos é devolvido, seja um bom ou mal pensamento, ou uma palavra elevada.
Distribuir a felicidade a cada momento, o sorriso, e a grandeza da nossa existência é ter a certeza de que colheremos – em algum tempo -  tudo o que ofertamos com desvelo.

04 de dezembro: IANSÃ,A ORIXÁ DO VENTO E DAS TEMPESTADES.

Eparrei Oiá Iansã é uma guerreira por vocação, sabe ir à luta e defender o que é seu, a batalha do dia-a-dia é a sua felicidade....