Postagens

Mostrando postagens de Março, 2015

Mães e Filhos!

Imagem
Mães e Filhos
Eis uma relação indissolúvel; porém como tudo tem duas vertentes, entre o bem e o mal, entre o céu e o inferno, entre Deus e o diabo, existem duas opções.
Nessa desenfreada e difícil escolha fui contemplada em duas assertivas: mãe e um filho querido, mãe e filha. Hoje, 24 de março, após 18 anos de vida, sou grata e honrada por ter uma filha que me devolve a cada dia o sentido da minha existência, a razão para sobreviver, os valores do caráter, a essência e o aprendizado, a sublime dedicação e o agradecimento ao verdadeiro Deus.
Poder e querer acreditar que entregarei em breve o diploma de formanda por uma universidade é uma meta; conhecer, participar e ser cúmplice para com alguém que divida novos horizontes ´r um objetivo, carregar em meus braços, poder acarinhar ao seu filho (a) é a certeza da continuidade desse amor, é o ápice das nossas vitórias.
LOUISY, juntas e unidas somos fortes, companheiras, briguentas, desbravadoras, somos mãe e filha, e eu te amo!

APAIXONAR - ME?

Imagem
Apaixonar? Se por alguém que me ame, E me assuma! Compreenda me - mesmo na loucura - Ajudando a me guiar. Seja meu apoio, meu sonho bom Diga “eu te amo” com atitudes Não apenas com palavras. Apaixonar-me por alguém? Que converse depois de uma briga, Reconheça o erro e peça desculpas Com palavras do coração. Apaixonar – me? É verdade. Quando sentir a minha falta Desejar me ver sorrindo Mesmo que o sonho não seja lindo Estejamos nos unindo Porque a vida não acabou.


25 anos que meu pai fez a passagem.

Imagem
E essa palavra saudade, Que tanto dói em meu peito, Não me deixa respirar direito, É como um tiro certeiro ... E por isso estou aqui. E essa ausência me entristece, Porém no fundo da alma enobrece, Por tudo o que aprendi. É esse sentimento que aflora, Machuca ... maltrata, desola Resgata a velha memória Da infância que vivi. É lembrança, são momentos, São palavras tão soltas ao vento, São marcas e pensamentos, Manias que por encantamento Lhe traz de volta aqui. E nesses 25 anos ... tão longos! Se adeus pode durar tanto Por certo tem algum encanto Porque jamais eu lhe esqueci.


RENASCIMENTO

Imagem
Seria muito fácil dizer: Vivemos um momento em que buscamos ao menos assistir em um filme, em novela ou até em peça teatral a um final feliz. Mas …. Isso é verdade! Não existem heróis nem bandidos, nem mocinhas, ou personagens super fantásticos. A verdade é que o nada é tudo. Precisamos um motivo para acreditar ainda ser possível ter o final feliz. Decisivamente a tristeza corrói lentamente a nossa alma, nos conduz ao abismo, sem sequer enxergarmos ao caos em que vivemos. Se reclamamos da saúde precária, da ausência de leitos nos hospitais, dos medicamentos surgindo cada vez com mais propriedades para a tão sonhada cura, entretanto rapidamente descobrimos: estão inacessíveis aos nossos bolsos!!!!! E o que dizer dos planos de saúde sem sequer respeitarem a denominada regulamentação? Ah! Estudar é algo inadmissível de pensar, vez que acreditar nos planos do governo é melhor aceitar o nariz do Pinóquio. Como transmitir aos filhos que o estudo lhes beneficiará no futuro, se mesmo pagando taxas…

ABISMO?

Imagem
Quem sabe você tenha se perdido Quem sabe nada foi em vão. Mas, você perde a esperança E respira a incompreensão. Você talvez tenha o destino Como prova de sofreguidão Predestinado a chorar És um poço de solidão. Você talvez tenha o futuro Modificar-se é a solução Todavia pensar que tem tudo contra É mais uma prova de ingratidão. Você precisa olhar para os lados Perceber que não está só Assim perdera o medo Do abismo ao seu redor.

Flor em Botão

Imagem
Um dia sonhei E nesse sonho de criança Lhe vi menina ... Mulher. A menina frágil, delicada, Pétala de flor, Rosa ... Em botão. A companheira e grande mulher! Nossas vidas se entrelaçam Nossos caminhos se erguem Nosso mundo se une. Se hoje o sol brilha Um dia a tempestade chegou Se em algum tempo fraquejei, Você me levantou.  Ao Criador agradeço A dádiva que é você Ao mundo espalharei A semente que plantei. E quando daqui tiver partido, A certeza levarei Que nesse mundo bandido Um raio de luz deixarei.

Ai! Esse amor maduro.

Imagem
Relembrar os sonhos de menina num corpo adulto É fácil e simples; Difícil é constituir ideias Quando as marcas do tempo  Sangram a nossa alma. Há muito a vida castiga aos pensamentos Eles procuram o aconchego em lembranças perdidas ...  Ou acolhidas pelo tempo. As marcas no rosto denotam o que se passa ou passou, Refletem também internamente  O quanto se faz necessário reconquistar o vigor. Mas, se a maturidade consegue debochar do que se esvaiu; É notório que não encontra espaço Para o refrigério dos laços de um grande amor. A colheita não mais é farta, Nem apresenta frutos ainda imaturos. Se haviam lágrimas em olhos marejados por uma paixão, Hoje a realidade é severa, É rigorosa diante dos valores que teima em obedecer. Todavia, já não obedece a critérios pré estabelecidos. O que em outras épocas seriam mágoas e dores, Hoje não mais se debatem com as ilusões. Quem sabe até gostaria de que surgisse Um pequeno raio de luz Mas que fosse infinito, real! Os anos transcorreram e me ensinaram  O amor não t…