sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Há Tempo





Há tempo para se divertir,
Há tempo para a quietude,
Há tempo para maior reflexão
Há tempo para a meditação
Há tempo para a tranquilidade
Há tempo para evitar afazeres excessivos.
Há tempo para conversar com alguém
Há tempo para as coisas que incomodam
Há tempo do diálogo tranquilo
Há tempo para mudar nos outros
Há tempo para mudar dentro de si!

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Agir, no momento certo.








É importante a reflexão
Fria e analítica
Em relação aos fatos do mundo:
Se faz necessário.
Há momentos em que
Não adianta reagir emocionalmente às circunstâncias,
Em que é melhor se recolher
E avaliar
Partir de uma perspectiva mais fria, mais elevada.
O importante, no momento,
É julgar da forma mais imparcial possível.
Procurar ao máximo agir de maneira diplomática.
É preciso, pois o momento assim exige.
As circunstâncias poderão ficar bem difíceis
E a tentação de agir
De uma maneira impulsiva
Será muito grande.
Manter a calma e sossegar
Ficar na espreita, e ...
No momento certo:
ATACAR!

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

E Ela Cresceu ...



Então, fiquei a pensar numa letra de uma música que tivesse algumas semelhanças entre as nossas vidas, e foi aí que ...
“Você é assim/Um sonho pra mim/E quando eu não te vejo
Eu penso em você/Desde o amanhecer/Até quando eu me deito
Eu gosto de você/E gosto de ficar com você/Meu riso é tão feliz contigo/O meu melhor amigo é o meu amor.
E a gente canta/E a gente dança/E a gente não se cansa/De ser criança/Da gente brincar/Da nossa velha infância.
Seus olhos, meu clarão/Me guiam dentro da escuridão/Seus pés me abrem o caminho/Eu sigo e nunca me sinto só”.
Minha Luy, você é assim e eu sou agradecida a Deus por me conceder o direito de ter vc minha filha! Um orgulho imenso de estar ao seu lado nesses primeiros passos na universidade. Feliz daquele que pode nesse mundo tão miserável e ingrato unir as mãos e dizer: Obrigada Senhor porque a minha filha é a presença da Tua misericórdia em minha vida: Deus lhe abençoe, conte comigo, pois somos almas gêmeas por toda a eternidade.

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

H A R M O N I A



                                                      
H
A
R
A
Faça coisas diferentes, e permita-se à mudança,
Compreenda as fases da vida
Tudo é atual e interessante.
Aprimore a si mesmo
- Significa pôr-se em movimento –
E até mesmo gaste algum dinheiro.
Dinamize a própria vida
Encare a si
Como seu próprio investimento.
Canalize para o sólido e positivo,
Os resultados e retornos são favoráveis.
Tenha melhor equilíbrio
E o resto da sua vida se harmonizará.

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016






Existem circunstâncias em que não podemos ser tão “bonzinhos”, em que precisamos –
Escravos da ganância e da ambição
Assumirmos uma postura
De maior competição,
E o desejo pelo poder
Sobre as coisas do mundo.
É verdade que a sociedade nos leva ...
A sentir culpa!
Todavia, assumimos as rédeas
Do nosso destino:
É preciso ter o poder

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016


Os pássaros voam
Voam sem parar
Seguem sem destino
Nem sabem onde chegar.

E voando, vão
Voam, sem direção
Não percebem o  perigo
E se espalham
Por esse mundo bandido
Onde o teto é o buraco no chão.

Querendo te namorar



Nesse olhar inocente
E sorriso resplandecente
Desperta desejo ardente
De abraçar teu corpo quente.

Mas em noite brilhante
A lua incessante
Riscou meu olhar trepidante
Desejoso e palpitante
Querendo te namorar.

Mas, eis que surge verdejante
Entre folhas e pétalas penetrante
Misteriosamente ...
Implacavelmente ...
Retumbante ....
A minha voz ofegante ...

kkkkkkkkkk
Querendo te namorar.

Amanhecer





Surgem no horizonte
Os primeiros raios de luz:
É o amanhecer!
E a Terra que se encante
É a chegada da esperança
Nova chance, mais uma oportunidade.
É mais um dia para amar e ser amado.
Se libertar das ilusões .... Mais um dia para ser feliz;
Ampliar a nossa capacidade perceptiva
Alterar em nossas estratégias
A felicidade não está na ausência de problemas
Mas em compreender e sair do problema
Os percalços são abençoados
Nos tiram da omissão
Conduzem as respostas da mensagem cifrada
Ofertam sim nas pequeninas oportunidades
Bênçãos pelo amadurecimento.
Em um dia será profícuo e luminoso!

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016




Descubro aos poucos o quanto o tempo passa, que já não tenho os mesmos sonhos, e sequer os mesmos sentimentos. Percebo que ao invés de me sentir preenchida, tenho medo do vazio que inunda ao meu ser.
Hoje, tenho medo das pessoas e também nelas não confio, e nem acredito no amor (bobagem seria dizer verdadeiro amor, porque se amor fosse, o real seria verdadeiro).  Vejo em minha volta e ao menos me sinto um pouco assegurada porque busquei proteger a minha velhice com o que plantei com muitas dores quando jovem. Lutei para possuir uma casa, e por mais simples que fosse, saberia que era um teto e nele estaria coberta; lutei incansavelmente para que não apedrejassem a minha memória e deixassem que eu pudesse percorrer as linhas tortas e sinuosas que a vida nos propõe com dignidade.
Escrevi um livro, plantei uma árvore e tive filhos ... O livro me oferta sonhos intermináveis, e o desejo de transpor a barreira no inimaginável; a árvore cresceu e faz sombra diante dos meus pensamentos, ofertando com suas folhas a brisa do vento a acariciar o meu rosto sofrido e cansado. Os filhos! Ah os filhos! Lutei para que se tornassem adultos alfabetizados, que soubessem o valor de um grão de feijão, e sobretudo que tivessem temor a um Ser Superior, pois. Nele criei a minha fé, e dela indiscutivelmente não me afasto. Mas, o tempo escravizou me diante dos infortúnios, das mentiras e do poder; Tornei – me frágil e insegura, temerosa e tristonha diante do que penso que errei, pois construí.
E o livro pede que não lhe abandone e escreva novas memórias, que acrescente novas estações, que preencha as muitas e muitas páginas que ainda poderão ser escritas. Sussurra que ainda não estamos no capítulo final´.
A árvore busca me convencer de que poderei ter abrigo em sua sombra que não me assombra, que deverei olhar firme o horizonte e acreditar que nada é finito.
Olho em volta, e debruço – me em lágrimas aflorando saltitante em meus olhos, como se pedissem permissão para um novo olhar. Sei que tudo se perde, mas tudo se cria, se renova, e reverte.
E, como se a roda gigante da vida girasse velozmente, sinto quanto preciso viver, preciso de amparo, de carinho, de ao menos uma razão para crer .... A vida é como uma grande roda, e darei a volta inteira, todavia haverá um momento em que poderei observar  que muitos outros nela vão girar.

Preciso colo de mãe

Preciso alguém que me diga boa noite ou bom dia. Preciso alguém que se preocupe comigo, me queira bem. Preciso alguém que me d...