domingo, 23 de maio de 2010

Natal

Vem.
Vem natal!
Vem festivo como sempre
-Para os outros-
Vem triste como sempre
-Para mim-
Vem que eu garanto
Te curtirei plenamente
Te esbanjarei.
Olharei vitrines e pessoas
Desejarei paz em silêncio
-Para cada um-
E chorarei também:
Meu pranto contido
Meu pranto riso
Meu pranto triste como o natal
Meu pranto triste como eu.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

CORAGEM, não é difícil.

Seja menos preconceito, seja mais amor no peito, seja Amor, seja muito amor. E, se mesmo assim, for difícil ser não precisa ser perfeito. Se...