Ofertório



Eu queria colocar-em em oferenda
Arrancar em mim
Um momento feliz
Em seguida lhe sequestrar
No seu instante mais triste.
Eu queria em minha morte
Ver você sem luto
Cantando canções de despedida.
Eu queria fazer moradia
Em seu pensamento
Ser parte do dia a dia.
Eu queria viver
A espera da consciência
Em seu sono.
.......................................
Eu queria saber a hora de despertar.
Eu queria morar na menina dos seus olhos
E ver as coisas que você vê
Sentir o mundo mais bonito
Existindo dentro de você.
Eu queria nascer em sua tristeza
Queria morrer em sua alegria
Dar de mim o que sou
Perpetuando-me em seu sorriso.
Eu queria navegar em suas veias
Sentir a maré da sua pulsação
De repente entrar no vácuo
E viver essa emoção.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lixo: questão de cidadania e responsabilidade social

Consumismo e Ostentação

E porquê é natal....