segunda-feira, 23 de agosto de 2010

O teu olhar



A primeira carícia
é um olhar timido
sem perícia,
envergonhado, tímido...
A seguinte é um beijo na face,
meio obscuro e impreciso
mas sob um impasse...
Jantamos, e o jantar é leve,
a conversa serena
de quem escreve.
A sobremesa, tem sabor de maracujá
que propositalmente faz
a minha boca delirar!
Entrego-me ao saborear
como se fosse
a colher do teu olhar.
E como uma ave
cheio de graça
timidamente vou alçar voo
para te provocar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Preciso colo de mãe

Preciso alguém que me diga boa noite ou bom dia. Preciso alguém que se preocupe comigo, me queira bem. Preciso alguém que me d...