terça-feira, 21 de junho de 2011

As Tuas mãos


Adoro tuas mãos em meu corpo.
Tão suaves a percorrer
Por todos os lugares.
Tocando - me através do decote 
Do vestido vermelho carmim.
Desfiando as minhas meias,
E em suspiros
Procurando a flor oculta,
Tão acesa em meu jardim.
A mão não enxerga,
- E quem se importa?
E o sapato no canto a observar,
As tuas carícias sobre mim.
E até já não aguento.
Encaro-te e peço:
Depressa, aproxima – te de mim
Não deixes que me arrependa
E feche a porta.
Não creias que sempre será assim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Preciso colo de mãe

Preciso alguém que me diga boa noite ou bom dia. Preciso alguém que se preocupe comigo, me queira bem. Preciso alguém que me d...