AS CHUVAS DA PRIMEIRA CLASSE


Um novo inverno vai chegar
Na estação.
Se não puder ser o maquinista
Seja o seu mais divertido passageiro.
Procure um lugar próximo à janela 
Desfrute cada uma das paisagens
Observe o que o tempo pode oferecer, 
E com o prazer da primeira viagem.
Não se assuste com os abismos, 
Nem com as curvas que não lhe deixam
Enxergar aos caminhos que estão por vir.
Procure curtir a viagem da vida,
Observe cada arbusto,
Cada riacho
Cada beira da estrada
E os tons mutantes da paisagem.
Desdobre o mapa e planeje roteiros
Preste atenção em cada ponto de parada  
Fique atento ao apito da partida.
Porém quando decidir descer
Veja a estação onde a esperança acenou,
Não hesite: desembarque nela com os seus sonhos...
E que os ventos e as chuvas
SEJAM SEMPRE DE PRIMEIRA CLASSE!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lixo: questão de cidadania e responsabilidade social

E porquê é natal....

Consumismo e Ostentação