Suave Contato


Um suave contato
Os impulsos correndo na pele
A emoção que se segue
Fecho os olhos, me calo e deixo fluir...

Faço a imagem com meu tato
Deste seu corpo que tanto desejo 
Vai surgindo detalhes
Esculpidos em meus versos.

Toco todo o seu contorno
Estimulado pelo zumbido
Me deixo cair num abismo
E levo comigo neste ato.

Esse gesto de amor segue o embalo
Sarando meu coração carente

Por onde o carinho alimenta 
E você se prepara para mim. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lixo: questão de cidadania e responsabilidade social

E porquê é natal....

Consumismo e Ostentação