Aflição

Naquela madrugada fria

Gritei seu nome ao vento

O vento estava tão forte....

Era vento vindo do norte.

Tanto lhe chamei

Que enfim chegastes .

A madrugada virou manhã ...

E o vento acabou por acalmar

Mas o meu corpo em vendaval se transformou

Pelo desejo de te amar


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lixo: questão de cidadania e responsabilidade social

E porquê é natal....

Consumismo e Ostentação