domingo, 29 de janeiro de 2012

Incontida.


Liberdade desejo contido
Incontido na multidão
Águas que correm sem a represa
Laços desfeitos sem confusão.

Um céu de loucuras e desejos
Gritos tão longe dos grilhões
Preconceitos sem preceitos
Censura sem palavrões.

Liberdade de leis desprovidas
Em tolas, fracas desunião,
Perdidas entre as paredes
Dos cofres da multidão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Preciso colo de mãe

Preciso alguém que me diga boa noite ou bom dia. Preciso alguém que se preocupe comigo, me queira bem. Preciso alguém que me d...