Sem Temor

A hora é esta: arriscar-se,
Atirar-se destemidamente
Na direção do novo.
Ainda que muitas pessoas
Possam se apavorar
Tentar me demover
Daquilo que a minha alma interpreta
Como um novo impulso criativo.
Não me incomodarei.
As pessoas falam
Porque estão viciadas
Em certezas e seguranças.
Mas, eventualmente,
Alguma loucura
É mais do que bem-vinda!
Colocarei a minha vida em movimento
Lembrarei:
Sempre é momento de recomeçar.
Evitarei o medo
E não esperarei
A forma “certa” para agir.
Vou!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lixo: questão de cidadania e responsabilidade social

Consumismo e Ostentação

E porquê é natal....