sexta-feira, 4 de junho de 2010

AMADURECER


fenix.jpg (333×345)

Envelhecer é coisa que dá trabalho principalmente quando ainda estamos sem nos dá conta de que o tempo passa. E, nesse passo, sigo a minha estrada procurando a cada dia redescobrir um novo mundo.
Não acredito em pessoas que se acomodam com o passar dos anos, que se juntam em banco da praça, que sentam  prá tricotar, ou ficam à janela sem querer ver o tempo passar.
O mundo em suas constantes mutações determina explicitamente que nada pode parar, pois até a morte é segmento; Foi o tempo em que morrer era descanso: e ainda bem!
Convivo com adolescentes que gritam, reclamam e enloquecem aos meus tímpanos. Parecem querer saculejar todo o meu corpo pedindo que siga as suas idéias, as suas descobertas, os seus anseios e todas as lúcidas e maravilhosas loucuras que se permitem fazer.
E nesse emaranhado doce, tenho ainda o prazer diário de possuir uma filha adolescente com a calma e tranquilidade que lhe é peculiar, tentando através das novas modernidades escolares, me incluir no pacote, para que juntas naveguemos nos tormentos estudantis.
 Felicidade ou amadurecimento fazem parte dessa jornada; quem sabe tais tópicos não estejam aliados para que me façam sentir a cada dia mais feliz.
E eu não quero decididamente parar, seria a própria inutilidade.
Os meus futuros netos precisarão participar dessa minha garra, e certamente faremos muitas aventuras. A minha linda e gostosa filhota, ainda tão jovial e primaveril, determinar-se-a por muitas oportunidades na vida, e juntas celebraremos. Se ganhos ou perdas, mas celebraremos, pois a vida se constitui desses instantes.
      Portanto, sigo, caminho, e redescubro em meu mundo o mundo que vive em mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Preciso colo de mãe

Preciso alguém que me diga boa noite ou bom dia. Preciso alguém que se preocupe comigo, me queira bem. Preciso alguém que me d...