sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Mar Revolto


Transbordante de desejos 
Tão sozinha eu almejo
Chegar ao teu coração 

Na contramão. 

Rompo em devaneios 

Meus segredos
E anseios 
E como num barco
De amor 
Vamos bailar
Flutuar
Neste mar da paixão. 

É alucinação. 

E em loucura percorres
Por meu corpo 
Em minhas curvas, pareces insano 

Enalteces aos meus tormentos
E vais invadindo desesperadamente. 

Cale-se! 

Não faças barulho! 

Poderás ter embrulho 

Sou mar revolto 

E em meu corpo serpenteias. 

Socorro! 

Desastre! 

Somos um grande gigante 

Que desvairadamente 

Ao meio vai se partir
E como um Tsunami 

Tudo vai se devastando 

Mas agora volto a dormir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Preciso colo de mãe

Preciso alguém que me diga boa noite ou bom dia. Preciso alguém que se preocupe comigo, me queira bem. Preciso alguém que me d...