Tô na pista....



É o momento de tomar consciência
Dos meus sonhos e objetivos
Direcionar-me para eles.
Terei diversas tentações ...
Sentar e ficar esperando
Aguardar que as coisas aconteçam.
Não me permitirei a isso
Vou imprimir movimento!
Encontrarei a imagem dos primeiros lampejos
As novas ideias, os novos amores e os grandes projetos.
Poderei sentir a inércia e o tédio
Quem sabe, se evadindo em minha existência!
Mas, finalmente vou imprimir
O movimento valioso à minha vida.
Muitas águas hão de rolar
Este é apenas o processo inicial.
Terei uma provável aventura
E muito gostosa...
Me lançarei sem medo!
Quanto mais coragem, mais resultados!
Mesmo que ouça “não”
A negativa será apenas a inicial
Não desistirei, não desistirei...
Jamais fugi a uma luta.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lixo: questão de cidadania e responsabilidade social

E porquê é natal....

Consumismo e Ostentação