Encarando aos desafios



O comportamento humano é basicamente uma reação funcional externa e visível da sua organização estrutural (ou falta dela), isto é, nossas circunstâncias externas são projeções de nosso interior. Será que vale tudo no mundo do trabalho?
Creio que se faz necessário estar consciente de que existem alguns princípios para o comportamento ético na vida profissional. E, a regra de ouro é se colocar no lugar do outro; mas, para tanto vale ressaltar o aperfeiçoamento, pois se trata de uma medida de suma importância, vez que é vital estabelecer a elaboração de planos de capacitação para o crescimento.
A troca de experiências, as condições para que se possam exercitar possibilidades expressivas e criativas contribuem para o corpo e o espírito tornarem-se harmônicos: corpo são x mente sã. Também vale ressaltar a autoestima, o poder de aceitação e de como enfrentar aos conflitos internos e externos.
Algumas sugestões a serem citadas são as vivências em atividades com dinâmica de grupo, as oficinas e jogos cooperativos, e os jogos dramatizados com sensibilização.
Ainda assim, é preciso confiar que somos responsáveis por nossos atos e devemos aceitar aos desafios com responsabilidade e perseverança sempre que surjam os obstáculos. 
Afinal, o que seria da nossa existência se não tivéssemos os desafios?



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lixo: questão de cidadania e responsabilidade social

E porquê é natal....

Consumismo e Ostentação