quarta-feira, 26 de outubro de 2011

FELICIDADE

Sinto o aroma da felicidade
Doce e salgada
Como a própria vida.
E o meu corpo perfumado
Em meu todo a se estender.
Tento despistar com o olhar
Porém com as mãos, 
Entre meios sins e meios nãos
devagar...
Vejo na alma o meu viver.
Antes que o toque acabe
Trago nos lábios a alegria
E junto ao meu semblante
O transparecer...
Sinto um grunhido mas não me calo,
É o meu coração...
A bater.
E o suor não apaga a chama
do desejo
e da paixão deste viver.
Contemplo por sincronia,
E não é vaidade
O fazer da graça em meu ser.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Preciso colo de mãe

Preciso alguém que me diga boa noite ou bom dia. Preciso alguém que se preocupe comigo, me queira bem. Preciso alguém que me d...