Ainda que reine a loucura
Ou possa viver o charme da amargura
Poderei assim pedir um prazo
E envolver - me com tua astúcia.
Ainda que sinta que não valeu a pena
Tantas as coisas que ficaram perdidas
Tenho esperança, garra e força
Não pensarei em despedida.
Ainda me encho de energia
Sigo lutando por cada dia
Isso me ajuda a ir ... Sentindo
A pequena dose da alegria.
Ainda encontrarei pessoas extraordinárias
Tanto quanto pensastes um dia
Sorrirei ao lembrar tua imagem
Chorarei por ti a revelia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lixo: questão de cidadania e responsabilidade social

Consumismo e Ostentação

E porquê é natal....